Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

Conselho Nacional de Procuradores-Gerais - CNPG

Menu
<

mpac aniversario

Em sessão solene virtual do Colégio de Procuradores, presidida pela procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, o Ministério Público do Estado do Acre comemorou os seus 57 anos de criação nesta terça-feira, 28 de julho.  A instituição foi instalada logo após a conquista da autonomia administrativa e política do Estado, através de lei assinada em1963 pelo então governador José Augusto.

A solenidade contou com a participação virtual do presidente do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (CNPG), Fabiano Dallazen, que, ao cumprimentar a Instituição pela data, parabenizou membros e servidores e sublinhou “a honra em participar desse momento e o valor do Ministério Público do Acre, que se consolidou como garantidor de direitos fundamentais dos cidadãos”.

Lembrando as vítimas da pandemia do coronavírus, a procuradora-geral destacou em seu discurso a atuação institucional para defender a sociedade diante da crise sanitária. Para ela, a instituição cumpre papel indispensável na defesa da vida e da saúde pública através da dedicação de seus membros e servidores, que estão trabalhando permanentemente.

Em sua manifestação, a PGJ afirmou sentir-se “extremamente honrada pela oportunidade de conduzir o Ministério Público do Acre”. “Estando em minha segunda gestão, tenho o registro de muito trabalho e dedicação envolvendo nossos membros, servidores e parceiros, que, junto conosco ou em apoio ao nosso mister, comprometem-se com essa missão tão bonita e necessária para a evolução da sociedade e da civilização”, ressaltou.

A solenidade foi acompanhada virtualmente por autoridades dos três poderes, representantes do Sistema de Justiça, membros do Conselho Nacional do Ministério Público, Tribunal de Contas, procuradores-gerais de outros estados, além de membros e servidores do MPAC.

.: voltar :.