A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP) e presidente do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (CNPG), Ivana Lúcia Franco Cei, foi uma das agraciadas, na noite da última quarta-feira (24), em Brasília, com a Ordem do Mérito Ministério Público Militar, na categoria Grã Cruz, entregue pelo procurador-geral de Justiça Militar, Antônio Pereira Duarte. A honraria é um reconhecimento às personalidades que prestaram relevantes serviços à sociedade brasileira.

A solenidade de entrega das comendas foi realizada no Auditório da Procuradoria-Geral de Justiça Militar, em edição especial, comemorativa ao centenário do Ministério Público Militar (MPM), completados em 2020. O evento não foi celebrado no ano passado em razão da pandemia do novo coronavírus. A cerimônia foi realizada com a observância de medidas preventivas à covid-19, como restrição de acesso apenas a homenageados e convidados e uso obrigatório de máscara.

Foram homenageadas 122 personalidades pelos relevantes serviços prestados em prol do Ministério Público Militar, da sociedade e do país. Receberam a comenda, entre outros: o presidente do Superior Tribunal Militar, general de Exército Luis Carlos Gomes Mattos; o procurador-geral do Trabalho, José de Lima Ramos Pereira; e o procurador-geral de justiça do Estado do Rio Grande do Sul, nos biênios 2017-2019 e 2019-2021 e ex-presidente do CNPG, Fabiano Dallazen. Também foram condecorados com a Insígnia da Ordem, os estandartes do Conselho Nacional do Ministério Público – CNMP, da Controladoria-Geral da União - CGU e da Escola Superior de Guerra – ESG.

Em seu discurso, o procurador-geral e chanceler da Ordem do Mérito MPM, Antônio Pereira Duarte, agradeceu aos condecorados e falou que ainda há muito para se fazer, diante dos inumeráveis desafios que se mostram à frente e que a democracia reclama que todos seus atores sejam ouvidos e participem dos processos decisórios.

“Não há, certamente, espaço para retrocessos nesse processo civilizatório e poderes e instituições, autônomos e independentes, mas submetidos ao sistema de freios e contrapesos, devem conviver, com harmonia e responsabilidade, em prol da realização dos elevados fins que os governam, envidando esforços para corresponder aos anseios maiores da sociedade, destinatária final de todos os esforços de cada servidor brasileiro.”, concluiu.

A presidente do CNPG agradeceu a honraria e reiterou seu compromisso com as causas e missão do Ministério Público Brasileiro. “ Sinto imenso orgulho em estar aqui recebendo tão importante reconhecimento. O Ministério Público Militar tem sido um grande aliado do CNPG e de todos os MPs, atuando na linha de frente na defesa das nossas prerrogativas, para evitar que a sociedade perca qualquer garantia de direito e, para que, juntos, possamos seguir trabalhando por um país mais justo, democrático e igualitário, onde as instituições sejam respeitadas e autônomas. Mais uma vez, deixo nosso agradecimento em nome de todos que atuam no MP”, disse a procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei.

A Ordem do Mérito Ministério Público Militar é concedida nos graus Grã-Cruz, Grande Oficial, Alta Distinção, Distinção e Bons Serviços, podendo ser também condecoradas, com as Insígnias da Ordem, organizações nacionais ou estrangeiras.

Lista dos agraciados
Galeria de fotos

Serviço: fotos e informações do MPM

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado de Amapá (Asscom-MPAP)
Tel.: (96) 3198-1616
Ana Girlene Oliveira






Redes Sociais

MPs Estaduais

MPAM

  • 25/11/2021
  • 25/11/2021